terça-feira, 30 de julho de 2013

Produção de Cogumelos los Borra de Café

WORKSHOP 
17/08/2013 
10h-13h 25 € / Participante Oferta de kit Produção a casa Participante Inscrições 


Projecto LIFE Habitat Lince Abutre cria corredores ecológicos para o lince-ibérico



Colaboração entre olivicultores e o Projecto LIFE Habitat Lince Abutre permite a criação de mais de 55 hectares de corredores ecológicos para promover a conectividade entre áreas de habitat favorável para o lince-ibérico nas Serras de Adiça e Ficalho, na região de Moura, contribuindo activamente para a conservação desta espécie em Portugal.

Foi acordado com os olivicultores da região que em determinadas parcelas dos seus olivais não sejam efectuadas intervenções que prejudiquem o desenvolvimento e regeneração da vegetação natural, tais como a colheita de azeitona. Em contrapartida pela consequente perda de rentabilidade, estes agricultores recebem do Projecto LIFE Habitat Lince Abutre um pagamento compensatório por cada hectare de olival afecto à implementação destes corredores.

A recuperação da vegetação nestas áreas, previamente seleccionadas, permitirá aumentar a conectividade da paisagem adequada ao lince-ibérico, facilitando assim a sua deslocação nesta região. Simultaneamente, aumentam-se também as áreas favoráveis à existência de coelho-bravo (assim como de outras espécies de caça menor), presa deste ameaçado felino e que pode constituir um importante recurso económico para as áreas rurais. Espera-se assim que a médio prazo esta medida inovadora contribua para a recuperação do lince-ibérico na região.

O projecto LIFE Habitat Lince Abutre é coordenado pela Liga para a Protecção da Natureza (LPN) e conta com a parceria de diversas instituições públicas e privadas, designadamente o Centro de Estudos da Avifauna Ibérica (CEAI), a Associação Nacional de Proprietários Rurais, Gestão Cinegética e Biodiversidade (ANPC), a Associação dos Jovens Agricultores de Moura (AJAM), a Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e o Centro de Investigação e Intervenção Social (CIS / ISCTE-IUL). Este projecto é co-financiado a 75% pelo Programa LIFE-Natureza da Comissão Europeia.

Para mais informações sobre este projecto LIFE visite http://habitatlinceabutre.lpn.pt


Para mais informações:

Eduardo Santos, LPN – 964 119 504                      

Eng. Florestal


Grupo Portucel Soporcel

Descrição da Empresa:
O grupo Portucel Soporcel é hoje uma das mais fortes presenças de
Portugal no mundo, sendo estruturante para a economia nacional pela
integração vertical do seu modelo de negócio - investigação, floresta,
pasta de celulose, energia renovável e papel.
Líder europeu no sector de papéis finos não revestidos, categoria onde
se incluem os papéis de escritório, e na produção de pasta branqueada
de eucalipto, tem um volume de negócios superior a 1500 milhões de
Euros, com clientes em mais de 110 países e subsidiárias em 13.

Descrição da Função:
O Grupo Portucel Soporcel pretende proporcionar estágios
profissionais, com a duração de 12 meses, remunerados com uma bolsa de
estágio comparticipada pelo IEFP, num dos três Complexos Industriais e
na seguinte área de formação:
– Refª 29 - Mestrado em Engenharia Florestal

Perfil do Candidato:
– Formação concluída, de acordo com o solicitado e com classificação
final mínima de 14 valores;
– Capacidade de planeamento e organização;
– Capacidade de análise e de síntese;
– Proactividade.

Contacto:
As candidaturas devem ser formalizadas, até 10/08/2013, através de
submissão de formulário em http://www.portucelsoporcel.com,
seleccionando o link Candidaturas On-Line e escolhendo Estágios
Profissionais.
Só é permitida a candidatura a uma única referência, anexando
obrigatoriamente curriculum vitae em modelo Europass.
Caso não receba resposta no prazo de 30 dias, considere que a sua
candidatura não pode ser aceite.

Eng. Florestal


Lagoa Business Center

Lagoa Business Center Promove, Divulga e Acolhe.

Formações Especializadas Financiadas 100% pelo PRODER - Planos de
Gestão Florestal - 25h

Estamos a recrutar formadores, com qualificações para a acção em si.

Destinatários: CAP e Experiência Profissional

Para mais informações, contacte-nos:

formacao@lagoabusinesscenter.com

- 282 353 555 - Célia Bessa

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Eng. Florestal


Associação Florestal do Cávado

Perfil:
- Licenciatura em Engenharia Florestal;
- Bons conhecimentos de SIG
- Facilidade de adaptação e relacionamento interpessoal;
- Conhecimentos ao nível de elaboração de Planos de Gestão Florestal,
Planos de Defesa da Floresta Contra Incêndios, Planos Específicos de
Intervenção Florestal, Planos de Fogo Controlado, e outros documentos
de Ordenamento de Território;
- Conhecimento de Legislação Nacional.

Candidaturas:
Os interessados poderão candidatar-se através desta página:
http://emprego.sapo.pt/emprego/anuncio/1645957/eng-florestal.htm
Envio de candidaturas até 01-08-2013

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Oficina sobre Incêndios em propriedades rurais - antes, durante e depois


  • Mata Municipal de Ourém - http://goo.gl/maps/T89w5
  • Serão apresentadas noções básicas sobre o comportamento do fogo e medidas preventivas, ativas e proactivas que deverão ser seguidas com vista à mitigação dos efeitos indesejáveis do fogo em propriedades rurais. Pede-se aos participantes que desejem fazer uma análise à situação de risco das suas próprias propriedades que tragam fotografias digitais, cartas, plantas, e outros elementos de suporte que entendam por conveniente.

    Formador: Miguel Almeida
    Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais (CEIF), da Associação para o Desenvolvimento da Aerodinâmica Industrial (ADAI) da Universidade de Coimbra

    Data: 27 de Julho de 2013

    Horário: 14 - 18 h

    Programa

    1- Noções básicas do fogo
    2- O comportamento do fogo e seu modo de propagação – análise em propriedades propostas pelos participantes
    3- Medidas preventivas, ativas e proactivas na gestão de incêndios


    13h30: Boas vindas e receção dos participantes
    14h00: Noções básicas do fogo
    14h45: O comportamento do fogo e seu modo de propagação
    15h30: Exercício em grupo para análise do comportamento do fogo em propriedades propostas pelos participantes
    16h30: Intervalo
    16h45: Medidas preventivas, ativas e proactivas na gestão de incêndios
    17h45: Encerramento


    Local: Mata Municipal de Ourém, Centro de Educação Ambiental da Quercus -http://goo.gl/maps/T89w5

    Contribuição: 5 euros

    Inscrições: até dia 26 de Julho às 18h00 para o email: 5elementos.to@gmail.com ou telefone 914315628

    Organização:
    5 Elementos (www.5elementos.pt.to) em colaboração com Quercus - Núcleo Regional do Ribatejo e Estremadura)

segunda-feira, 15 de julho de 2013

V Feira de Caça, Pesca e Lazer de Ponte de Lima de 19 a 21 de julho

Turismo| 15 de Julho de 2013
V Feira de Caça, Pesca e Lazer de Ponte de Lima de 19 a 21 de julho
Considerando o setor da caça e pesca, associado às actividades de lazer, uma mais valia no desenvolvimento sócio-económico, o Município de Ponte de Lima em parceira com a Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Ponte de Lima, promovem a V Feira de Caça, Pesca e Lazer de Ponte de Lima nos dias 19 a 21 de julho na Expolima.Durante os dias da exposição realizar-se-ão demonstrações de Aves de Cetraria, de Cães de Parar, demonstração de pesca em Lago Artificial, III Concurso Canino de Beleza e a final do Campeonato Nacional de St. Huberto.
Abrangendo toda a área de exposição da Expolima, que conta com 60 módulos de exposição e 37 casetas/Bungalows, realizam-se outras atividades ao longo do evento, como o batismo a cavalo, passeios de carro de cavalos, jogos tradicionais, prova de pesca no Rio Lima, exposição de carros clássicos e um conjunto de desportos aventura, como Rapel, Air Bungeee, Tiro ao alvo (arco, carabinas de pressão de ar e zarabatana), demonstrações de Skate e de Trial Bike, esta promovida pelo Trial Portugal com os finalistas do Portugal tem talento, e pela primeira vez a Festa do Caçador.
Integrado no programa da feira, no sábado dia 20, às 15h00 realiza-se um Passeio BTT pelas margens do Rio Lima, numa ação dos Batotas - Clube de Desportos Radicais, enquanto no domingo, a partir das 9h00 Caminhada, coordenada pela Pirâmide Radical Clube.
No seguimento do sucesso alcançado o ano passado, a Feira de Caça. Pesca e Lazer de Ponte de Lima realiza a II edição do Concurso do Mel. Dar a conhecer e valorizar a qualidade, a especificidade e a diversidade do Mel produzido em Ponte de Lima, é o objetivo desta iniciativa.
O mel a concurso, produzido no concelho de Ponte de Lima, deverá ser enviado até ao dia 18 de julho, pelo correio ou entregue em mão, sempre acompanhado do respetivo Boletim de Inscrição para o Município de Ponte de Lima - Gabinete Terra.
Ao longo das quatros edições, a Feira de Caça, Pesca e Lazer de Ponte de Lima tem superado as expectativas, tendo como factor determinante a participação e o empenho das Associações do concelho que tem cooperado activamente na organização das provas e atividades do evento, demonstrando uma dinâmica constante e regular.
Para a presente edição, mantém-se a expectativa de um grande evento que conta com o apoio das mais relevantes entidades, nomeadamente a nível de Associações e Federações sectoriais, bem como de revistas da especialidade.

 Consulte:
 Programa (PDF | 4 mb)

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Corticeira Amorim disponibiliza serviço de aconselhamento técnico gratuito para áreas nacionais de sobreiro


Formulário de candidatura disponível em www.sustentabilidade.amorim.com
Mozelos, 10 de Julho de 2013 – Um serviço de aconselhamento técnico gratuito está a ser disponibilizado a produtores florestais de sobreiro pela Corticeira Amorim, com o objectivo de identificar oportunidades para adopção de melhores práticas de gestão florestal do montado e da biodiversidade associada.
O diagnóstico será desenvolvido com base nas visitas efectuadas às herdades seleccionadas e o trabalho de campo será executado por técnicos especializados da WWF.
Os proprietários florestais interessados podem solicitar este serviço, através do formulário de candidatura disponível em www.sustentabilidade.amorim.com.
Totalmente financiado pela Corticeira Amorim, este serviço é uma das iniciativas desenvolvidas pela empresa no âmbito da sua adesão à iniciativa europeia Business & Biodiversity.
Iniciado em 2008, este serviço já contemplou a gestão de cerca de 17 500 ha de área florestal de sobreiro em Portugal, tendo-se verificado, na maioria dos casos, que as propriedades florestais que dele beneficiaram optaram por certificar os respectivos sistemas de gestão florestal pelo FSC® (Forest Stewardship Council). Esta certificação reveste-se de grande importância, pelas garantias acrescidas que daí advêm de gestão sustentável do montado de sobro e da biodiversidade associada.
Para informações adicionais contactar:
Carlos de Jesus > carlos.dejesus.ai@amorim.com > 96 869 03 09; Joana Martins > joana.martins@amorim.com > 96 178 64 05 ; Isabel Correia> ic@cunhavaz.com > 93 761 23 29 ;  Ana Costa > ac@cunhavaz.com > 93 998 81 21
Sobre CORTICEIRA AMORIM, SGPS, S.A.:
Tendo iniciado a sua actividade no século XIX, a CORTICEIRA AMORIM tornou-se na maior empresa transformadora de produtos de cortiça do mundo, gerando um volume de negócios superior a 500 milhões de euros em 103 países. A CORTICEIRA AMORIM e as suas subsidiárias fazem parte de um esforço concertado para a conservação e preservação de milhões de sobreiros espalhados pela bacia do Mediterrâneo. Temos orgulho da nossa contribuição na correcta utilização desta importante floresta que desempenha um papel fundamental na fixação de CO2, na preservação da biodiversidade e no combate à desertificação. Para saber mais informação convidamo-lo a visitar os nossos websites informativos em www.amorim.com e www.corkfacts.com .
CORTICEIRA AMORIM, SGPS, S.A.
Sociedade Aberta
Edifício Amorim I
Rua de Meladas, n.º 380
4536-902 MOZELOS VFR
PORTUGAL
Capital Social: EUR 133 000 000,00
C.R.C. Sta. Maria da Feira
Matrícula e NIPC: PT 500 077 797

2ª Sessão de Trabalho da Fileira do Medronho


09.07.2013 - CEC/CCIC in netcentro
13 de julho de 2013 – 10h00 - Centro de Ciência Viva da Floresta, Proença-a-Nova
13 de julho de 2013 – Programa

10H00            Receção aos participantes

10H05            Abertura
Henrique Pires do Santos – CERNAS

10H10            Revisão do trabalho já efetuado
Ana Salomé Ferreira – CERNAS

10H25            Pausa para café

10H35            Apresentação da Cooperativa do Medronho
Comissão instaladora da Cooperativa do Medronho

12H30            Almoço

14H00            Debate e reflexão
Alexandre Sousa – Lusotecnália

Constituição dos grupos focais

Trabalho sobre as folhas do caderno

16H30            Pausa para café

16H45            Marcação das próximas reuniões

16H50            Conclusões

quarta-feira, 10 de julho de 2013

sábado, 6 de julho de 2013

Um Porto de Árvores - segunda edição



Publicada em 2005 a primeira edição deste pequeno mas belo livro sobre alguns jardins do Porto e esgotada dois ou três anos depois, decidida mais tarde uma nova edição devido a frequentes pedidos que dele nos chegavam, é agora finalmente possível adquiri-lo em segunda edição.

Ideal também para ofertas, os que o procuraram ao longo destes anos, bem como qualquer outra pessoa, podem agora ver como comprar UM PORTO DE ÁRVORES:

http://goo.gl/P5XB2

Preço:

Sócios  €10,00

Não Sócios €12,00

Para os pedidos a enviar pelo correio acrescentar €1,50 para expedição e portes.



Para envio pelo correio os pedidos podem ser feitos para o email: contacto@campoaberto.pt (em mensagem tendo no assunto: Porto de Árvores)

ou por correio em papel para: Campo Aberto, Apartado 5052, 4018-001 Porto

Os pedidos para envio pelo correio, sejam feitos por email ou por correio normal, além da indicação de nome e morada para o envio e de um telefone de contacto, deverão conter em anexo comprovativo de pagamento.

Não deixe de ver mais informação no linque já referido:

http://goo.gl/P5XB2

Campo Aberto - associação de defesa do ambiente

sexta-feira, 5 de julho de 2013

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Domingos na Mata Nacional do Buçaco - julho

eflyer oficinas julho

Colóquio Perspectivar o Montado, Gestão e Ambiente, Economia, Políticas

Feira Agro-Florestal

Enviar por E-mailVersão para impressãoPDF

Por ocasião das Festas da Cidade de 2013, vai ter lugar de 5 a 7 de julho, entre as 17:00 h e as 24:00 h a primeira Feira Agro-florestal, organizada pela Leadersor- Associação para o Desenvolvimento Rural Integrado do Sor, com coordenação e apoio técnico da Aflosor – Associação dos Produtoes Agro-Florestais da Região de Ponte de Sor. Esta mostra, na Zona Ribeirinha, junto às Piscinas Municipais Descobertas, visa divulgar um sistema de agricultura diverso, valioso, que envolve uma multiplicidade de pessoas e atividades. A feira pretende ser um espaço vivo em constante animação, com demonstrações, degustações, performances ao ar livre e ainda um  encontro de cariz técnico a decorrer no Teatro-Cinema. O evento dirige-se a todos os agentes do setor, agricultores, empresários, técnicos, investigadores, decisores políticos e principalmente ao público em geral.

Eng. Florestal


Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo

Aviso n.º 8402/2013
1 — Para efeitos do disposto no artigo 19.º da Portaria n.º 83 -A/2009,
de 22 de janeiro, alterada e republicada pela Portaria n.º 145 -A/2011, de
06 de abril, e nos termos do artigo 9.º do Decreto -Lei n.º 209/2009, de 3 de
setembro, que adapta à administração autárquica a Lei n.º 12 -A/2008, de
27 de fevereiro, e nos termos do n.º 2 do artigo 66.º da Lei n.º 66 -B/2012
de 31 de dezembro, torna -se público que por deliberações do Conselho
Executivo de 13 de maio de 2013 e Assembleia Intermunicipal de 29 de
maio de 2013, foi autorizado o recrutamento excecional de trabalhadores
na modalidade de relação jurídica de emprego público por tempo inde-
terminado. Face a esta autorização excecional, encontra -se aberto pelo
prazo de 10 dias úteis a contar da data de publicação do presente aviso
no
Diário da República,
procedimento concursal comum na modalidade
de relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado, de
seis postos de trabalho na categoria de Técnico Superior e de um posto
de trabalho na categoria de Assistente Técnico para ocupação de postos
de trabalho previstos no mapa de pessoal da CIMBAL:
Procedimento A) — 2 Técnicos Superiores (área de Gestão de Re-
cursos Humanos)
Procedimento B) — 1 Técnico Superior (área de Educação e Comu-
nicação Multimédia)
Procedimento C) — 1 Técnico Superior (área de Ciências da Co-
municação)
Procedimento D) — 1 Técnico Superior (área de Engenharia Agro-
florestal — ramo Desenvolvimento Rural)
Procedimento E) — 1 Técnico Superior (área de Sociologia)
Procedimento F) — 1 Assistente Técnico

http://dre.pt/pdf2sdip/2013/07/125000000/2084220846.pdf